Crescimento no setor de Planos de saúde médico-hospitalares

O número de beneficiários de Planos de saúde médico-hospitalares registrou ligeiro avanço neste ano.O total de vínculos deste tipo cresceu moderadamente (0,1%) na comparação entre abril de 2020 e o mesmo mês do ano anterior, gerando 53 mil novos vínculos.

Os números integram a Nota de Acompanhamento de Beneficiários (NAB), do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar. No total, o setor conta com quase 47 milhões de beneficiários no Brasil.

“A variação é modesta, mas ainda assim é um bom indicativo para o setor”, comenta José Cechin, superintendente executivo do IESS.

“O futuro tende a se dividir entre dois efeitos que atuam em direção oposta. De um lado, há o aumento do número de beneficiários em função do desejo das pessoas por terem plano de saúde, exacerbado pela pandemia. De outro, a redução do total de beneficiários, o fechamento de empresas, o desemprego e a perda de renda. Ainda é incerto qual irá prevalecer”, complementa.

Mesmo com o resultado positivo, o Instituto reforça que em abril deste ano, 80,7% dos beneficiários de planos médico-hospitalares eram do tipo coletivo, ou seja, 37,9 milhões.

Fonte Jornal Contábil: Acesse https://www.jornalcontabil.com.br/ e saiba mais. 16.06.2020